Robótica

Robótica

Inspirados pela possibilidade de criar dispositivos autômatos pré-programados, vários estudiosos se dedicaram, ao longo da história, à área da robótica. Essa ciência, ou estudo, lança mão da tecnologia associada a projeto, fabricação e teoria para utilizá-la na aplicação dos robôs a fim de auxiliar o homem em seus diversos trabalhos. Porém, a princípio, toda concepção popular a respeito de robôs se resumia às histórias e filmes de ficção científica.

Desde 1495, nas obras de Leonardo Da Vinci, com base em seus estudos de anatomia e mecânica, o mundo presenciava o surgimento de gênios que usariam seus conhecimentos e criatividade em tal área. Talvez até muito antes, com a construção de máquinas movidas a vapor, como as de autoria do grego Arquitas de Tarento, datados de 350 A.C., já havia registros de projetos para criação de autômatos.

Apesar disso, o termo robô só foi primeiramente utilizado em 1921, por Karel Čapek, um dramaturgo checo, se derivando da palavra robota, que significava “trabalho forçado”. A partir de então, com o incrível avanço da tecnologia, a área da robótica -juntamente com a mecânica, eletrônica e desenvolvimento de softwares- pôde se unir à Medicina.

O fruto dessa união possibilitou trazer à realidade algo que antes só se fazia presente no mundo da imaginação: a Cirurgia Robótica.

Como forma de evolução da cirurgia minimamente invasiva, essa técnica tem como finalidade aumentar a capacidade humana de realizar determinados movimentos cirúrgicos com maior precisão e destreza.

Contrastando-se à cirurgia convencional, que utiliza procedimentos que muitas vezes envolvem abertura de ossos e incisões de grandes dimensões, esse tipo de cirurgia lança mão de braços robóticos manipulados remotamente.

Tudo é realizado por meio de um console comandado por um cirurgião especificamente habilitado para tal. Micro câmeras presentes nos braços do robô são responsáveis por captar imagens em alta resolução, projetando-as para utilização do cirurgião, agregando segurança e precisão ao procedimento.

Marque sua consulta: 21 2667-0512 ou 21 2657-3600